Em Taquaritinga (SP): Retorno das aulas presenciais na rede municipal tem adesão menor que 35%

As aulas presenciais em escolas municipais de Taquaritinga/SP foram retomadas no início da semana (9 de Agosto) após dezesseis meses de ensino remoto exclusivo para combater a disseminação da Covid-19. Apenas sete instituições não foram reabertas devido às reformas de melhorias executadas pela Prefeitura e sanação de outros problemas, como o furto de fiação que alguns prédios sofreram. 

Os protocolos determinados pelos governos Estadual e Municipal incluem capacidade limitada a 35% dos estudantes por sala inicialmente. Entretanto, a adesão ao retorno foi menor que o percentual máximo na maioria das escolas. A Secretaria da Educação atribui o número à insegurança que algumas mães ainda sentem em levar os filhos, com receio do contágio do vírus.

A frequência não atingiu o número esperado de estudantes, mas a pasta garante que o ensino presencial está sendo a opção da maioria dos alunos da rede.

Para a retomada, os estudantes receberam kits com uniformes, calçados, garrafas de água, máscaras, álcool em gel 70%, entre outro itens. As crianças que voltaram para as escolas devem usar máscara de proteção e estão instruídas a manter o distanciamento físico dos demais colegas, bem como fazerem a higienização das mãos constantemente.

As famílias que ainda optam pelo ensino remoto continuarão retirando e entregando as atividades nas instituições até que se sintam confiantes em inserirem os filhos no ensino presencial novamente.

(Foto: ilustrativa) 

 
 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.