Rafael Guzman é o primeiro bebê da família venezuelana nascido em Taquaritinga (SP)

No início do semestre, Taquaritinga/SP registrou o nascimento de um bebê da família venezuelana abrigada na cidade. Rafael Junior Yanez Guzman chegou ao mundo no dia 9 de Fevereiro, através de parto normal feito na Santa Casa e é o primeiro integrante da família a nascer no município. 

O menino é neto de Lynorka Villasmil; a matriarca que imigrou para o município em Julho de 2019. Sua filha, Yunirva Gusman Villasmil e o seu genro, Yelinson Yanez chegaram logo depois, acompanhados das filhas Yunierlys e Irene.

Em entrevista ao Jornal Tribuna, Lynorka conta que recebeu a colaboração de muitas pessoas para montar o enxoval do bebê, como a doações de roupinhas, fraldas, acessórios e demais itens de higiene. O nascimento do pequeno trouxe muita alegria à família, que fez questão de elogiar o atendimento oferecido no hospital durante a internação. “Somos muito agradecidos por toda a atenção dada a nós, desde os enfermeiros até os médicos. Aqui é muito diferente de onde morávamos na Venezuela; fomos muito bem atendidos e nos sentimos acolhidos de verdade”, disse.

A família de Lynorka veio para Taquaritinga através dos programas Operação Acolhida e Operação Interiorização, do Exército Brasileiro, que tem o intuito de oferecer assistência aos venezuelanos que vieram ao Brasil para tentarem reconstruir suas vidas longe da crise humanitária do referido país. A Faculdade de Taquaritinga (FTGA), colaboradora do projeto, foi a eleita para abrigar a família.

Atualmente, os pais de Rafael saíram do imóvel da faculdade para residirem no Jardim Buscardi. Lynorka e outras duas filhas continuam morando na casa da FTGA, onde ela ainda é prestadora de serviços gerais. A família sente saudades das pessoas que ficaram no país vizinho, mas revela que a vontade de todos é que o futuro aconteça no município. “Estamos criando raízes aqui, pois é um lugar muito melhor de onde viemos. Lá na melhorou nada desde que saímos, então não pretendemos voltar tão cedo”, finaliza. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *