Psicólogas de Taquaritinga (SP) são credenciadas pela Polícia Federal

Em Abril, as psicólogas Denise Parma e Michelle Davóglio conquistaram credenciamento junto ao Departamento da Polícia Federal. O título traz o serviço de avaliação psicológica para o registro e porte de arma de fogo para a Taquaritinga, incluindo a cidade no restrito rol de municípios da região que disponibilizam profissionais aptos a avaliarem candidatos interessados na obtenção da licença.

O exame é apenas um dos testes que o candidato é submetido durante o processo. A aptidão psicológica é avaliada a partir de um laudo emitido por um profissional que ateste que a referida pessoa submeteu-se a uma avaliação e considerará se aquele indivíduo, no momento do teste, está apto ou inapto para o manuseio de uma arma de fogo.

Durante o atendimento, são avaliadas as características de comportamento, temperamento, traços de personalidade (que podem oferecer pistas sobre a agressividade), controle dos impulsos, exibicionismo, entre outros, a fim de investigar a tendência do candidato apresentar respostas favoráveis ou desfavoráveis ao que é esperado dele ao possuir uma arma de fogo.

A legislação que normatiza as atividades de colecionadores, atiradores e caçadores (conhecidos como CAC) foi modernizada pelo comando do Exército, pertencente ao Ministério da Defesa. Com o novo formato, a Portaria n° 150 (de 5 de Dezembro de 2019) foi editada à obrigatoriedade do laudo de aptidão psicológica.

O serviço também é direcionado aos profissionais que utilizam armas de fogo para o exercício de atividades remuneradas (como vigilantes) e necessitam de avaliação periodicamente.

As profissionais, que já atuam no segmento de aplicações de testes para obtenção e renovação de Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) há mais de quinze anos, atendem na Clínica Amassí, localizada na Rua Visconde do Rio Branco, número 115, no centro de Taquaritinga (SP).   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *