Prefeitura regulamenta retomada das atividades religiosas em Taquaritinga (SP)

Igrejas e templos devem reduzir número de fiéis em celebrações e aumentar a frequência dos encontros

O prefeito Vanderlei Mársico anunciou, na tarde da última sexta-feira (29), a liberação de cultos religiosos na cidade a partir do fim de semana e informou os critérios de funcionamento que devem ser seguidos para  a realização das reuniões.

Shadow
Slider

A decisão foi anunciada durante encontro com representantes de igrejas e templos, no gabinete da Cidade Administrativa. De acordo com o boletim epidemiológico do município, Taquaritinga não registrou nenhum óbito e apenas oito casos confirmados de Covid-19 até o momento.

“Fizemos uma adaptação das orientações do Ministério da Saúde para a nossa realidade. E essa decisão só pode ser tomada devido à responsabilidade das pessoas da nossa cidade e ao trabalho abnegado dos profissionais de saúde, que conseguiram manter um mínimo de controle sobre a pandemia em Taquaritinga”, afirma o prefeito.

As regras de retomada estão previstas no Decreto nº 5.048, publicado no Diário Oficial do Município, e dizem respeito à taxa limite de ocupação dos estabelecimentos em 30%, distanciamento social, uso de máscaras, higienização local e disponibilização de álcool em gel 70%, além de todos os protocolos já estabelecidos pelo município.

Durante o encontro, o secretário municipal de Saúde, José Fonseca Neto, aproveitou para reforçar a necessidade de cuidado. “As crianças com menos de 12 anos e os adultos com mais de 60 devem permanecer em casa, assim como as pessoas dos grupos de risco. É fundamental manter as regras de higiene pessoal, distância segura entre pessoas e uso constante de máscaras quando for preciso sair de casa”, alerta.

Igreja Católica mantém cultos à distância

Na tarde de sábado (30), o padre Giliard Felipe Nascimento comunicou através do Whatsapp que os católicos de toda a Diocese de Jaboticabal continuarão celebrando as missas e outras atividades exclusivamente através da internet. 

“Quero comunicar a todos que, nós católicos e em toda a Diocese de Jaboticabal, vamos continuar celebrando as missas e outras atividades como temos feito: pela internet. Nós só mudaremos alguma coisa neste sentido quando o nosso Bispo Diocesano Dom Eduardo nos orientar e nos autorizar, ainda que os municípios permitam algum retorno. Quando isso acontece, o Padre irá vos dizer”, diz um trecho da publicação.

(Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal)

Deixe uma resposta