Incêndio destrói área verde urbana em Taquaritinga (SP)

O incêndio criminoso que ocorreu na tarde do último sábado (15) destruiu quase toda a área verde urbana localizada entre o Jardim Laranjeiras e Jardim Contendas, em Taquaritinga (SP).

As chamas tiveram início por volta das 14h e rapidamente se propagaram devido a vegetação seca, assustando a população pela altura que atingiu. A equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada através de testemunhas e esteve no local combatendo ao fogo; os trabalhos perduraram até o começo da noite.

Foi necessária a mobilização de todo o efetivo do CB e o trabalho contou com o auxílio de três caminhões da base, estimando-se a utilização de 15 mil litros de água. Um caminhão do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Taquaritinga (SAAET) também apoiou a ocorrência.

Ainda, de acordo com a corporação, fagulhas ultrapassaram a área verde e atingiram inúmeros terrenos baldios, causando focos de pequenas proporções que foram controlados pela equipe. Durante o atendimento, não houve captura de animais feridos. 

Autor do incêndio foi detido com a ajuda de testemunha:

Uma moradora do Jardim Laranjeiras presenciou o momento em que um homem, de 58 anos, ateava fogo em alguns pontos da área verde, causando o incêndio. A Polícia Militar foi acionada e esteve no local realizando a abordagem do suspeito; ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia para prestar maiores esclarecimentos sobre o fato.

De acordo com o delegado Dr. Renato Cândido Soares, o acusado confessou a autoria do crime, alegando estar “auxiliando o Corpo de Bombeiros na contenção do fogo através de um método utilizado por usinas para cessar as chamas em incêndios nas lavouras, chamado popularmente de ‘fogo de encontro'”. O representante do Corpo de Bombeiros negou a autorização da prática.

Após o registro do boletim de ocorrência, o cidadão teve sua prisão decretada em flagrante pelo crime cometido, mas acabou recuperando sua liberdade após pagar uma fiança de R$ 1.050,00. 

A Polícia Civil continua investigando o caso.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *