Em Taquaritinga (SP): Pai do jogador Edmílson morre aos 71 anos em decorrência da Covid-19

Faleceu, na manhã deste domingo (23), aos 71 anos, o sr. Divino Moraes, pai do pentacampeão mundial Edmílson. O taquaritinguense estava internado há dez dias no Hospital Carlos Fernando Malzoni, em Matão (cidade onde residia) e não resistiu ás complicações da doença.

Em nota, a assessoria de imprensa do jogador confirmou o falecimento de sr. Divino, contando um pouco de sua história e agradecendo o carinho enviado à família neste momento delicado. Confira:

É com muito pesar que informamos o falecimento do Sr. Divino Moraes, pai do pentacampeão mundial Edmílson Moraes, que após dez dias lutando contra a Covid-19, não resistiu na manhã deste domingo (23). Seu Divinão, como era carinhosamente chamado por família e amigos, tinha 71 anos e morava em Matão (SP), cidade vizinha de Taquaritinga, onde Edmilson nasceu e foi criado antes de iniciar sua carreira vitoriosa no futebol nacional e internacional.

Agradecemos ao Seu Divinão por ter criado Edmílson com humildade e carinho, dando uma boa educação para que pudesse se tornar campeão do mundo, construir uma família e deixar um legado na sociedade como cidadão, como faz através da Fundação Edmílson e do FC Ska Brasil, além de suas passagens íntegras pelos clubes que jogou.

Prestamos nossa homenagem a este estimado cidadão, grande pai, avô e amigo. E prestamos nossas condolências à toda família e amigos. Lembraremos sempre dos seus melhores momentos“.

Sr. Divino era casado com a Sra. Lia e deixou três filhos: Rogério, Edmílson e Natália Moraes. O sepultamento acontecerá neste domingo, em horário a ser definido, no Cemitério Municipal Cônego Lourenço Cavalini.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *