Coronavírus: Aglomerações em praças e pessoas sem máscaras poderão ser multadas pela Prefeitura de Taquaritinga (SP) a partir desta quarta-feira

A Prefeitura de Taquaritinga (SP) organizou uma “Força Tarefa” contra a Covid-19 no município envolvendo as autoridades da Polícia Militar, a Prefeitura e o Conselho Tutelar. A atuação foi estruturada na última segunda-feira (15), após a administração pública receber centenas de reclamações sobre a concentração de pessoas em praças, além da realização de festas na cidade no fim de semana.

Shadow
Slider

Para dar sustentação à ação, o prefeito Vanderlei Mársico  assinou um decreto publicado nesta quarta-feira (17) proibindo a aglomeração de pessoas em vias e espaços públicos e estabelecendo multas de  200 URMTs (Unidade de Referência do Município e Taquaritinga), totalizando R$ 4.450,00, para quem descumprir a determinação. “Estamos no meio de uma pandemia, onde o número de casos aumenta a cada dia. Esperamos que a população tomasse a iniciativa de se prevenir contra a doença, mas não podemos ficar de braços cruzados quando assistimos ao que está acontecendo”, afirmou.

Para colocar em prática a nova norma, a equipe engajada está planejando a execução de blitze por toda a cidade entre sexta-feira e domingo. “Neste momento, as pessoas devem ficar em casa e sair só quando for necessário e não fazer aglomerações. Nosso trabalho é preventivo”, disse o Capitão Coelho, da 2° CIA da Policia Militar. 

De acordo com o documento, a realização de festas e eventos que causem aglomerações também está proibida. Em outro item, o decreto proíbe a utilização e aglomeração de pessoas para eventos e reuniões em todas as praças públicas de Taquaritinga entre 20h e 6h, bem como o uso de todas as academias ao ar livre.

Quem não estiver de máscara também poderá ser multado em 5 URMTs (R$ 111,25).

Deixe uma resposta