Boato sobre ataque causa pânico em escola de Taquaritinga (SP)

O boato sobre um possível ataque com arma de fogo na manhã desta segunda-feira (6) deixou os funcionários, pais e alunos da Etec “Dr. Adail Nunes da Silva”, de Taquaritinga (SP), em situação de alerta.

O assunto surgiu no último final de semana, através de grupos de Whatsapp, que propagaram a informação depois de visualizarem as publicações de um aluno do primeiro período do curso de Agroindústria. O jovem, de 20 anos, morador de Guariba (SP), teria aparecido em fotos portando um revólver e diversas máscaras, assustando os seus colegas de classe.

“Tudo preparado”: legenda de uma foto publicada pelo aluno causou pânico em seus colegas de classe

“Sobre a minha publicação de quinze dias atrás: era exatamente a data em que eu lançaria a minha nova série”, explica o jovem em um áudio gravado por ele na manhã desta segunda-feira

Diante das circunstâncias, nenhum aluno compareceu no prédio na manhã de hoje. Entretanto, a direção da instituição de ensino alega que as aulas não foram suspensas e que os professores mantiveram seu expediente de trabalho.

Em entrevista, o rapaz disse que as publicações foram criadas para chamarem a atenção dos internautas sobre uma nova série de terror que ele gravará e postará em seu canal do Youtube. “Eu queria ressaltar na série a importância da gente ajudar pessoas que possuem depressão, pois a maioria dos atentados acontecem com pessoas que tinhas esses problemas e eram julgados como “frescuras”, sem ninguém dar importância”, ressalta o suspeito.

Em um áudio divulgado na manhã de hoje, após todos os munícipes tomarem conhecimento do fato, o jovem diz: “eu e meus familiares estamos muito abalados com tudo isso. Mas, graças a Deus, estou recebendo mensagens positivas que estão me ajudando muito. Posso garantir a todos os cidadãos de Taquaritinga (SP) que eu jamais faria mal a alguém ou em alguma escola. Peço perdão por ter sido mal interpretado e desculpas por todas as pessoas da Etec; escola que tenho muito carinho e, através dela, tenho uma qualificação profissional exemplar, que me permitiu arranjar um emprego de grande expressão. Não estou falando isso para sair como o “bonzinho da história”; somente estou me justificando por esse grande mal entendido que aconteceu”.

Jovem é morador de Guariba (SP), cursou o ensino médio na Etec “Dr. Adail Nunes da Silva” e, atualmente, é aluno do curso de Agroindústria da mesma instituição de ensino

O jovem deve se apresentar na Delegacia de Polícia de Taquaritinga (SP) nesta segunda-feira (6), para prestar esclarecimentos sobre o caso, que causou repercussão regional. As autoridades policiais deverão tomar as providências necessárias nos próximos dias.

Imagem usada para divulgação do canal do Youtube do jovem. Segundo ele, a mídia foi criada para ajudar pessoas que, assim como ele, sofrem com bullying e depressão

“Independente do que aconteça agora, deixo claro que não sou criminoso, nunca fui e nunca serei, agradeço as mensagem positivas dos alunos, caso eu sofra punição, irei pagar, perdão novamente ao mal entendido pessoal, amo vocês, fiquem com Deus”, relatou o rapaz em uma das suas últimas mensagens no Facebook.

Shadow
Slider

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *