Jardim Buscardi é o bairro de Taquaritinga (SP) com maior número de focos de dengue em residências

Apesar do empenho dos agentes do Departamento Municipal de Controle de Vetores (Demcove) de Taquaritinga (SP), que visitam casa por casa e promovem  ações como a de “cata-treco”, o índice de proliferação do Aedes nos imóveis não diminui. “Se a população não se conscientizar que cada morador tem de fazer a sua parte, não vamos vencer essa guerra contra o mosquito”, disse o diretor Fabrício Araújo.

Shadow
Slider


Os números do mês de Maio mostram que os maiores índices de infestação ocorreram no Jardim Buscardi (26 casos), Jardim Contendas (22) e Talavasso (13). Esta semana, de 3 a 7 de junho, as ações dos agentes se concentram nos bairros Laranjeiras e Inocoop. De 10 a 14 de junho, os trabalhos serão realizados na área central da cidade.

 

 

A luta contra a dengue: O Ministério da Saúde interrompeu o fornecimento de inseticida, o que tornou mais difícil a prevenção à proliferação do mosquito Aedes Aegypti. Dessa forma, o Demcove alerta para a necessidade da contribuição da população na limpeza e eliminação do criadouro do mosquito em suas casas.

As principais medidas devem ser:
• Mantenha caixas d’água limpas e fechadas;
• Não deixe a água acumular em pneus, calhas e lajes;
• Limpe pratos de plantas pelo menos uma vez na semana;
• Mantenha garrafas e vasilhas com a boca virada para baixo;
• Coloque o lixo dentro da lixeira e mantenha tampada;
• Mantenha tampados tanques, barris, tonéis, caçambas, poços e tudo o que possa acumular água.


“A Dengue, Febre Amarela, Chikungunya e Zika são doenças graves, mas que podem ser evitadas”, conclui Fabrício Araújo. 

 

(Com informações – Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *