Em Taquaritinga (SP): Associação Reviva instala ‘Mercado Solidário’ para atender a comunidade carente

     Além de oferecer cursos profissionalizantes gratuitos, a Associação Reviva de Taquaritinga (SP) acaba de fixar um ‘mercado permanente’ em suas instalações para atender à população afetada economicamente pela pandemia de Covid-19.   

     Denominado ‘Mercado Solidário’, a ação surgiu após a diretoria notar o aumento da demanda de pessoas que procuravam por ajuda alimentícia já no início da pandemia, tanto na própria associação como em outras entidades. 

     Localizada na Rua Francisco Henrique Lemos, nº 179, Sala 1, no Jardim Buscardi, o grupo de voluntários abre as portas para que a comunidade tenha acesso aos alimentos que faltam na dispensa de seus lares. As gôndolas são abastecidas com doações de pessoas da sociedade civil e empresas parceiras.

     Segundo o presidente da associação, Emílio Carlos Sincic Vicalvi, a iniciativa surgiu durante a pandemia e será contínua.

     As cestas-básicas são montadas de acordo com o que a família precisar no momento. Para ser beneficiado, basta que a pessoa procure a associação ou que alguém indique a família para um dos integrantes.

     “Defino nossas ações como um encaminhamento para o mercado de trabalho ou uma ajuda para retomar a vida digna. Não somos uma entidade assistencial; nosso foco é capacitar as pessoas para que elas retomem o entusiasmo e consigam seguir sozinhas, trabalhando e conquistando o próprio sustento”, finaliza Emílio.

     A Associação Reviva é uma Organização da Sociedade Civil fundada em 25 de abril de 2013 e tem como missão promover a formação humana e cultural do cidadão a partir da geração e da socialização do conhecimento, visando o desenvolvimento sustentável. É uma organização não-governamental, sem fins lucrativos, fundada e instituída pela Primeira Igreja Batista em Taquaritinga.

     O projeto ‘Formação Humana’, executado em parceria com a Prefeitura Municipal por meio de uma emenda impositiva, tem como objetivo geral de garantir a proteção social de crianças, adolescentes, adultos, idosos, pessoas com mobilidade reduzida, pessoas em situação de vulnerabilidade e dependentes químicos (adictos).

     A proposta inicial previa o desenvolvimento dos projetos: Celebrando a Recuperação (para escuta qualificada de dependentes químicos, pessoas com depressão, abuso, dentre outros) e Cursos Profissionalizantes (geração de renda, capacitação profissional, na área de Tecnologia e Marketing). A associação também conta com a oficina de paletes, oficina de sublimação, aulas de artesanatos, fisioterapia (para pessoas com mobilidade reduzida e idosos) e o programa ‘Elite da Bola’, de incentivo à prática esportiva por crianças, adolescentes e adultos.

     Atualmente, são mais de 20 famílias atendidas no Mercado Solidário. Além dos alimentos, o grupo mantém o programa ‘Máscara Para Todos’, que visa a distribuição gratuita de máscaras de proteção individual para pessoas carentes. Os acessórios são confeccionados por voluntários e, até o momento, estima-se que mais de 600 pessoas foram beneficiadas de forma direta e indireta.

Mercado Solidário: Gôndolas são abastecidas com o auxílio de doações e os alimentos podem ser retirados por pessoas que necessitam de ajuda

 

Programa ‘Máscara Para Todos’: Iniciativa já beneficiou mais de 600 pessoas desde o início da pandemia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *