Mulher de 40 anos morre após complicações durante o parto em Taquaritinga (SP)

Uma gestante, de 40 anos, morreu na manhã de terça-feira (3 de Setembro) na Santa Casa de Taquaritinga (SP) após complicações durante o parto. O bebê sobreviveu e está internado na unidade médica para os cuidados necessários.

Segundo as informações de familiares, a servidora pública estava no final da gestação e, há aproximadamente duas semanas, queixava-se de dores e sangramentos. Uma irmã da vítima disse que ela foi atendida duas vezes na Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) no período de quinze dias, mas era liberada após a consulta e os procedimentos médicos.

Neste período, a mulher pediu afastamento do trabalho para cuidar de sua saúde e do seu bebê. No final da tarde de segunda-feira (2 de Setembro), ela foi encaminhada novamente para a UPA 24h, acompanhada de uma vizinha, quando percebeu que entrou em trabalho de parto. Na manhã de terça-feira, por volta das 7h, a gestante faleceu em consequência de duas paradas cardíacas durante a cesária. 

Um boletim de ocorrência foi feito pela irmã da vítima após a solicitação de encaminhamento para o Instituto Médico Legal (IML) de Jaboticabal (SP) feita pelo médico responsável, que apontará as causas da morte. O laudo deverá ser emitido em trinta dias.

A vítima trabalhava como Serviços Gerais na Prefeitura Municipal e era mãe de nove filhos. Seu corpo foi velado no velório municipal e seu sepultamento ocorrerá na tarde de quarta-feira (4 de Setembro) no cemitério local.

Deixe uma resposta