Mais uma USF é inaugurada em Taquaritinga (SP); saiba como funciona o atendimento

A Prefeitura Municipal de Taquaritinga (SP) inaugurou a Unidade da Saúde da Família – Dr. Ítalo Curti, na manhã do último sábado (26 de Outubro). A unidade médica foi instalada na Avenida Capitão José Camargo Lima, n.º 305, no Jardim São Sebastião e conta com consultórios médicos, salas para agentes comunitários e enfermeiros e com um espaço para palestras e grupos para ações educativas na área.

Slider

O homenageado, doutor Ítalo Curti,  foi um cirurgião dentista reconhecido por seu profissionalismo e por sua cordialidade. Ele era casado com Lavínia Curti (a dona Vivi), pai do advogado Luiz Eduardo Curi, da farmacêutica Marialva Curti, da pedagoga Maura Curti e do professor e ex-vereador Ico Curti.

Esta é a segunda Unidade da Saúde da Família da cidade. A primeira,  USF – Névio Ozetti, localizada na Rua Flávio Manoel Forcel, no Jardim Martinelli, foi fundada no ano de 2014. 

Saiba como ter acesso aos serviços disponibilizados:

A Unidade de Saúde da Família (USF) tem três equipes para atendimento de moradores dos bairros: Jardim São Sebastião, Francisco Romano, Rosa Bedran, Residencial Dr. Adail Nunes da Silva (CAIC) e arredores, acolhendo cerca de 10 mil pessoas da área de abrangência.

Segundo a coordenadora da Atenção Básica, Vanessa Paciello, um dos principais objetivos da Estratégia Saúde da Família é estabelecer vínculo com a população, ampliando as fronteiras de atuação das equipes e a resolubilidade da atenção, identificando os principais problemas de saúde e situações de risco as quais a população atendida está exposta, numa lógica assistencial de promoção da saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e agravos mais frequentes. “Os agentes comunitários visitam os domicílios e realizam o diagnóstico das famílias, identificando quais são os problemas de saúde que os moradores estão enfrentando”, declara.

A USF, assim como a Unidade Básica de Saúde, está no primeiro nível de atenção do Sistema Único de Saúde (SUS) e o diferencial é o modelo assistencial, que tem a proposta de reorganização e o fortalecimento da Atenção Básica, pois as equipes, com atuação direta dos agentes comunitários de saúde, acompanham um número definido de famílias, localizadas em uma área geográfica delimitada, com maior vulnerabilidade. É importante destacar que a Atenção Básica tem competência para resolver grande parte dos problemas de saúde da população, pois é a porta prioritária do SUS.


Hoje, a USF “Dr. Ítalo Curti” realiza cerca de 100 atendimentos por dia.

Deixe uma resposta