Lei que exige critérios mais rigorosos para candidatos ao Conselho Tutelar de Taquaritinga (SP) é aprovada na Câmara Municipal

Na última sessão ordinária da Câmara Municipal de Taquaritinga (SP), realizada na noite de segunda-feira (10), os vereadores aprovaram, por unanimidade, o projeto de Lei enviado pelo Executivo que estabelece novas diretrizes para a próxima eleição do Conselho Tutelar, após ouvirem as explicações da advogada Dra. Andrea Junqueira, Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA de Taquaritinga e do Secretário Municipal de Cultura e Turismo, Thiago Duarte.

Slider


“O projeto aprovado é um aperfeiçoamento do Conselho Tutelar, na medida em que, entre outras medidas, exige que os conselheiros tenham experiência no trabalho com as famílias, crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade”, explicou Andrea Junqueira.

O Conselho Tutelar será composto pelos cinco membros mais votados, que terão um mandato de quatro anos, permitida a recondução por novos processos de escolha.

“Passamos a semana nos reunindo com os vereadores e para chegar a um acordo”, disse Thiago Duarte. Esse ano, as eleições para o Conselho Tutelar serão unificadas, em todo o País e ocorrerão no primeiro domingo do mês de outubro ( dia 6).

__________

(Com informações: Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal)

Deixe uma resposta