Federação Paulista de Karatê esclarece notícia com falsas informações divulgada pela Fundação Edmilson

No dia 6 de setembro de 2018, um site de notícia de Taquaritinga divulgou uma notícia enviada pela Fundação Edmilson sobre uma competição de karatê realizada em Maracanaú, no Ceará (veja no link). No texto da notícia são citadas algumas informações que não condiz com a verdade. Por conta disso, a Federação Paulista de Karatê (FPK) enviou um documento assinado pelo presidente da instituição, José Carlos Gomes de Oliveira, para a Fundação Edmilson com objetivo de esclarecer o mal entendido.

 

Na notícia consta que os atletas da fundação foram para a competição no Ceará com o pensamento nas Olimpíadas de Tóquio, em 2020. E que eles representam a FPK nos campeonatos nacionais e regionais. Porém, segundo a nota de esclarecimento da FPK, essas informações não são verdadeiras.

 

Em nota, a Federação Paulista de Karatê explica que os alunos da Fundação Edmilson não são atletas vinculados com a FPK. Também afirma que o Campeonato Brasileiro de Karatê realizado de 7 a 9 de setembro, no Ceará, não faz parte do calendário oficial da FPK, e por sua vez não é um evento reconhecido pela Confederação Brasileira de Karatê – única entidade de karatê no Brasil vinculada ao COB (Comitê Olímpico Brasileiro). (veja no link)

 

Vale ressaltar que, de acordo com o jornalista responsável do referido site de notícia, o texto foi enviado pela assessoria da Fundação Edmilson e o jornal apenas publicou.

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A empresa que publicou a referida notícia é um veículo de comunicação sério e, por isso, também publicou a nota de esclarecimento enviada pela FPK. (veja no link)

 

Foto ilustrativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *