Conselho do Clube Náutico Taquaritinga convoca fundadores para destituir o atual presidente

Após concluir pela veracidade das denúncias de irregularidades praticadas pelo Presidente da Diretoria Executiva, Francisco Bellan e acolher por unanimidade o parecer elaborado pela Comissão Especial que pede sua destituição, o Conselho Deliberativo do Clube Náutico Taquaritinga convocou os aproximadamente 300 sócios fundadores para uma Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada no próximo dia 23 de abril.


A assembleia foi convocada para a Casa do Advogado, no bairro Talavasso,
em primeira chamada às 18h30, com a presença de 2/3 (dois terços) dos sócios fundadores. Caso não haja quórum, a segunda chamada se dará às 18h45 com 1/3 (um terço) deles, ou em terceira e ultima chamada, às 19hs, com a presença mínima de 30 (trinta) sócios fundadores.

Mesmo o Conselho Deliberativo tendo aprovado, por unanimidade,
a destituição do presidente, seu afastamento deve ser referendado
pelos sócios fundadores em assembleia geral, uma exigência do
paragrafo 7º. do artigo 32 do estatuto do clube. Consta ainda da
convocação que o documento original – um trabalho efetuado por
7 membros de uma Comissão Especial constituída especialmente
para tal – e que comprova as denúncias de irregularidades, permanecerão
à disposição dos fundadores na secretaria do conselho. A assembleia será
conduzida pelo presidente do Conselho Deliberativo, Adriano Furlani,
popular “Pitta”, e a participação é restrita aos sócios fundadores.


A pauta prevê a leitura do relatório e, na sequencia, a votação. Manifestações da Comissão Especial e do Presidente não serão
permitidas, uma vez que os mesmos tiveram a oportunidade de se manifestar no transcorrer do procedimento.

A reportagem do Jornal Tribuna procurou pelo Presidente do Conselho
Deliberativo e da Diretoria Executiva, mas os mesmos preferiram
não se manifestar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *